Pesquisas sobre benefícios dos Vinhos


O presidente da Taiwan Medical University tem esperança de que um tratamento farmacêutico seja desenvolvido em breve. – crédito da foto: Vincent Ferrari – Vignovin.com

O ácido tânico  encontrado nas uvas e no vinho inibe duas enzimas principais do coronavírus. Com o contato, o último não consegue mais penetrar nas células humanas.
No final do ano, pesquisadores americanos demonstraram in vitro que os * polifenóis * presentes nas uvas e no vinho alteram a forma como o vírus Sars-Cov2 que causa a Covid-19 se replica e se espalha.

A Taiwan Medical University descobriu que os taninos do vinho inibem efetivamente a atividade de duas enzimas-chave do vírus, que não podem mais entrar no tecido celular.

“De todos os compostos naturais que testamos em laboratório, o ácido tânico é o mais eficaz”, disse Mien-Chie Hung, bióloga molecular e presidente da universidade, à TVBS. Ele também lembrou os bons resultados obtidos com tratamentos experimentais com ácido tânico em 2003 durante a pandemia de SARS.

O pesquisador tem esperança de que um tratamento farmacêutico seja desenvolvido em breve. Enquanto isso, recomenda que os cidadãos consumam alimentos e bebidas ricos em taninos para aumentar sua imunidade.

* É o caso de uvas, vinho, banana, chá e vegetais *

https://www.vitisphere.com/actualite-93368-Une-nouvelle-etude-confirme-que-le-vin-protege-de-la-covid-19-.htm